O procurador geral do Ministério Público de Contas, Cristiano Pimentel, foi homenageado na última terça-feira (03) pela Câmara Municipal de Caruaru com a medalha Amaro Lira e César, mais alta comenda da Casa, e o título de cidadão. Os propositores da homenagem foram os vereadores Leonardo Chaves e Ricardo Liberato.

Durante a sessão solene, o procurador proferiu uma palestra sobre “O papel constitucional do vereador na fiscalização da administração pública”.

Cristiano Pimentel nasceu no Rio de Janeiro e é procurador concursado do TCE desde 13 de julho de 2006. Como Procurador geral no órgão, ele tem se destacado em Pernambuco no combate à corrupção e em defesa da moralidade pública.

VOTO DE APLAUSO – Por proposição dele, o pleno do TCE aprovou na última quarta-feira (05) um voto de aplauso ao procurador da República da 5ª Região, Antonio Carlos Barreto Campello, por ter encerrado o seu período como procurador regional eleitoral. Lembrou o êxito da parceria celebrada entre o TCE e o Ministério Público Eleitoral, logo após a aprovação da “Lei da Ficha Limpa”, para impedir que políticos inidôneos disputassem mandatos eletivos.

O conselheiro Dirceu Rodolfo também destacou a “sinergia” entre o TCE e MPE em defesa da “Lei da Ficha Limpa”, creditando ao procurador Barreto Campello a valorização das decisões do Tribunal de Contas para impedir o registro de candidaturas de políticos acusados de improbidade administrativa.

Complementando as palavras de Cristiano Pimentel e de Dirceu Rodolfo, o conselheiro Marcos Loreto declarou que o procurador Barreto Campello “é digno deste voto de aplausos”, o qual, submetido à votação pelo presidente Carlos Porto, foi aprovado por unanimidade.  

Gerência de Jornalismo (GEJO), 05/10/2017