Uma análise prévia de edital realizada pelo Tribunal de Contas num processo licitatório da Prefeitura de Olinda, cujo objeto é a contratação de uma empresa de engenharia ambiental para execução de serviços de coleta de lixo, resultou numa economia para os cofres públicos no valor de R$ 14.298.126,57.

O preço estimado pelo edital era de R$ 149.235.706,68 e após a intervenção do corpo instrutivo do TCE caiu para R$ 134.937.579,11. O relator das contas do município é o conselheiro Ranilson Ramos.De acordo ainda com o Edital de Concorrência Pública nº 009/2018, a empresa a ser contratada executará também podação de árvores e lavagem de vias públicas. O Edital foi submetido ao TCE pela Secretaria Municipal de Serviços Públicos.

Auditoria do TCE gera benefícios de 14.298.126,57 (E-AUD Nº: 9037 - GAON).

Gerência de Jornalismo (GEJO), 12/07/2018